Descubra o perfil dos mochileiros internacionais que visitam o Rio de Janeiro.

A Associação dos Embaixadores de Turismo do Rio de Janeiro e o Portal Consultoria em Turismo realizaram uma pesquisa com 800 mochileiros que visitavam o Rio de Janeiro no período entre 1° e 24 de fevereiro. Os mochileiros foram entrevistados por dez pesquisadores em 11 bairros do estado. A margem de erro fica em torno de 2%.

Associação dos Embaixadores de turismo do Rio de Janeiro e o Portal Consultoria em Turismo realizaram uma pesquisa para saber o perfil do mochileiro no estado

Dos viajantes, 70% eram mulheres e 65% optaram por ficar em hostels. Outras formas de habitação passam por Airbnb (25%), hotéis (6%) e casas de amigos (4%). Segundo a pesquisa, os principais emissores dos mochileiros são Europa (45%), América do Sul (26%) e América do Norte (17%).

Cerca de 85% dos entrevistados estavam fazendo a viagem pela primeira vez, e apenas 3% tinham vindo mais de duas vezes. A grande maioria (86%) disse que pretendia visitar o Rio novamente no futuro, enquanto 14% disse que não voltariam à capital fluminense.

Entre os pontos positivos citados pelos viajantes: metrô (34%), informação turística (28%), população anfitriã (19%), opções culturais gratuitas (12%) e praias (7%). Já os pontos negativos listaram: população de rua (39%), preço dos serviços (34%), limpeza da cidade (16%), rede wi-fi gratuita (7%) e banheiros públicos (4%).

Apenas 7% das pessoas passaram mais de sete dias na capital carioca, enquanto 18% ficaram de seis a dez dias e 75% de três a cinco dias. Com enfoque na faixa etária, 70% das pessoas tinham entre 18 a 25 anos, 22% tinham 26 a 45 anos, e 8% tinham mais de 46 anos.

Ampliar en Origen: Descubra o perfil dos mochileiros internacionais que visitam o Rio de Janeiro